Apesar de ter um pé e meio no rock, não consigo largar mão da minha paixão pelo pop. Já disse aqui que eu ando super feliz com essa nova safra de artistas pop e que toda novidade é super bem vinda e mais uma cantora ganhou meu coração e um espaço no meu iPod nos últimos dias.

A Cher Lloyd tem idade para ser minha irmã mais nova, faz música para teens mas que também podem ser perfeitamente ouvidas por gente grande tipo eu. Ela é inglesa, tem 17 anos e ex-participante do X-Factor, mas chamou a atenção do Will.I.Am do Black Eyed Peas que apadrinhou.

O single de estréia da linda, Swagger Jagger, tem um refrão que mais parece “ô querida, ô querida Clementina” com batidas mega animadas e dançantes. Conheci a música graças ao bff Thiago e suas cartas na manga quando ataca de DJ nas baladas, e não deu outra: a Blogo foi abaixo quando ele tocou, com direito a gente subindo na caixa de som e nas mesas para dançar.

Como se não bastasse uma música potencialmente apaixonante, Cher me ganhou completamente depois que eu assisti o vídeo de Swagger Jagger, que é um dos clipes mais bacanas que eu já vi na vida. Super colorido, alegre e com direito a interações 3D num estilo street-fofo. Amor define!

Tô amando! O CD sai só em setembro mas confesso que já me ganhou só por essa música e esse clipe-amor. E aí Berê, vai rolar na Alt + Tab sexta? :D

2 respostas a Para ouvir: Cher Lloyd

  1. Ps.: Nome de dyva e ela parece absurdamente a Cheryl Cole :O são ermãs?

  2. Querida Clementina, pode crer! HAUHAUA Desde quando você me mostrou aquela vez, estou pra ouvir a música, realmente a batida dela é muito animada e poxa, ter um padrinho como o Will.I.Am não é pra qualquer um, hein! Está devidamente adicionada a minha setlist :D