Sábado é dia de acordar tarde, tomar um banho gostoso e relaxante, de encontrar os amigos, de curtir uma balada maravilhosa e também da novézima tradição deste blog, o…

giroblogosfera-gif

Nessa semana visitei vários blogs amigos, li vários posts e cheguei neste resumão dos textos que mais fizeram minha cabeça. As indicações de hoje são um misto de coisas lindas, positividade e inspiração. Ou seja: tudo o que a gente precisa para viver com o sorriso no rosto :D.

Clique aqui para ler este post no Um Sentimento por Dia Clique aqui para ler este post no Teoria Criativa! Clique aqui para ler este post no blog da Cih! Clique aqui para ler este post na Revista Bula! Clique aqui para aprender a fazer este delicioso picolé no Gostei e Agora? Veja esta publicação fofíssima no blog Pequenina Vanilla Clique aqui para conferir as dicas no Chata de Galocha (importantíssimo para o verão e a retenção de líquido from hell hehe Image Map

Extra: o Rotaroots descobriu o paradeiro de BruMaximus, o mito da blogosfera old school, clica aqui para ler a entrevista.

O blog ainda teve vários posts essa semana *orgulho próprio*, então para quem não leu clica aqui e aproveita que tá recheado de coisas legais. E se você tem alguma sugestão de post bacana que você leu e que vale a pena ser repassado, deixa nos comentários. Dicas são sempre muitíssimo bem vindas! ;)

 

Dia oficial do Happy Hour com os amigos depois do trabalho, decidir a programação do final de semana, de descobrir se a sua festa favorita vai acontecer nos próximos dias e de se preparar psicologicamente para perder a dignidade na buatchy.

Mas, por mais que a gente escolha nossa festa favorita ou uma balada incrível para ir, sempre vai rolar uma música que a gente não gosta tanto assim ou pior: uma que a gente até gosta, mas não aguenta mais ouvir. Aquela música que faz você parar os passinhos na pista para ir ao banheiro retocar a maquiagem, enfrentar o bar ou sair para o fumódromo para fumar ou acompanhar o amigo fumante.

musicas-balada

Um tempinho atrás, o blog “O Pasquindie” fez uma lista de músicas que eles não aguentavam mais ouvir na balada (clica aqui para ler!). Como achei o tema engraçadíssimo, resolvi adaptar a ideia e compartilhar as músicas que me fazem fugir da pista para retocar meu batom Borboletando™ ou repetir minha dose de caipirinha.

Será que você vai concordar com a minha lista? Vamos lá!

#01 Toxic, Britney Spears

britneytoxic

Não dá pra negar que essa é uma das melhores músicas da carreira da Neyde e que dá vontade de sair dançando e reproduzindo a coreô só nos primeiros segundos da música. Mas por outro lado cansa, né? A princesa do pop não tem esse título a toa e tem uma porção de músicas tão boas e dançantes quanto. Saiam da concha e do In The Zone, pfvr!

Alternativas: I’m Slave 4U, Baby One More Time, Gimme More, Piece Of Me, Stronger, Womanizer, Hold It Against Me, Work Bitch (pfvr vamos desflopar o Britney Jean, obrigada!) e várias outras que eu poderia ficar horas citando.

#02 Mr. Brightside, The Killers

mrbrightside

Não é segredo que Killers é minha banda favorita e o Brandinho é meu muso, deuso, louco, feiticeiro, amor da minha vidinha. Porém, preciso confessar que eu NÃO AGUENTO mais ouvir Mr. Brightside na balada. Sim, eu acho a música maravilhosa. Sim, choro o equivalente a toda a água potável e não potável no planeta quando eu escuto essa música ao vivo. Mas poxa, gente: 10 anos de carreira, 6 álbuns (sendo 4 de inéditas e 2 coletâneas -sendo uma de b-sides). Acho tá na hora dos amigos DJs mudarem o disco e colocarem outras músicas da banda no set da boate. PLMDDS gente, vamô superar!

Alternativas: For Reasons Unknown, Bones, Spaceman, When You Were Young, This River Is Wild e Somebody Told Me (sim, as pessoas esquecem que ela existe e é maravilhosa).

 

Este post faz parte da blogagem coletiva do Rotaroots, um grupo de blogueiros saudosistas que resgata a velha e verdadeira paixão por manter seus diários virtuais. Para ler todas as blogagens coletivas do Rotaroots, clique aqui. E para saber como participar, faça parte do nosso grupo no Facebook e inscreva-se no Rotation.

Todo ano é a mesma coisa: o final do ano vem com aquela lista interminável de coisas a serem realizados no ano que se iniciará –ou quase isso. No final de 2013, vi uma enxurrada de amigos se posicionando contra simpatias, mandingas, listas e promessas para o ano novo, com a justifica de que apenas o ano mudanmas você não. Mas eu particularmente, não acho que as coisas funcionem assim.

lista-2014

Ok, admito que sou dessas que fazem listas e mais listas de metas, mas que quase sempre acabo procrastinando durante 365 dias e deixando para o ano que vem. Por outro lado, gosto dessa ideia de ano novo e de ser um marco para uma renovação. De sonhos, de metas, de objetivos para serem cumpridos.

Embora entre oficialmente no meu “retorno de Saturno”, prometi para eu mesma às 0h do dia 01/01 que eu faria desse período o melhor ano da minha vida e com direito a mudanças sim, mas de hábitos, de atitudes –começando em cumprir minhas promessas de ano novo.

O Rotaroots, aquele grupo de blogs oldschool super legal que eu já falei aqui, propôs para a primeira blogagem coletiva do ano contarmos sobre nossos 14 desejos para 2014. A ideia é que a gente compartilhe agora e no final do ano, voltar para falar o que nós cumprimos de fato. Será que eu consigo? Vamos para minhas metas!

#01 Ser mais organizada

Sempre fui uma pessoa desorganizada, mas, por outro lado, sempre tive meus TOCs de organização. Por exemplo: no meu guarda-roupa, está tudo por ordem de cor (inclusive, degradê!!!!!111) e por tipo de peça e até mesmo, tecido (jaqueta de couro >> jaqueta jeans). E se quer me ver puta da vida, é trocar minhas coisas de lugar ou colocar no lugar errado, insira aqui um “né mãe?”.

organizacao-lontra

Nesse último ano, por conta da reforma/troca de móveis do meu quarto e do home-office, fui picada pelo bichinho da organização. Embora não esteja ainda tudo digno de um virginiano, ver a decoração do jeito que eu queria dá toda uma vontade de manter as coisas sempre em seus devidos lugares (e aquele incômodo quando está bagunçado). Além disso, essa reforma me forçou a desapegar de muita tranqueira que eu acumulava e organizar o que restou de uma maneira melhor.

Meu desafio em 2014 é conseguir manter essa nova organização e levar para outros pontos da minha vida como trabalho, dinheiro, etc.

Para ler (e me inspirar): “52 Dicas de organização meticulosas para pessoas com TOC” do Buzzfeed (sério, esse post tem idéias incríveis!) e o blog Vida Organizada inteiro.

#02 Viajar

Essa é uma das metas que eu venho protelando há alguns anos. A última grande viagem que eu fiz foi para Londres em 2010. Nos anos seguintes, fiz pequenas viagens dentro de SP e o mais longe que eu fui foi uma viagem a trabalho para uma reserva natural no Paraná. Neste ano quero viajar mais com meus amigos, visitar pessoas queridas em outros estados (alô Rio e Curitiba!) e principalmente tirar do papel meu desejo de ir para a Europa de novo e quem sabe, fechar o ano em Vegasney, bitch!

Para ler e me inspirar: os blogs Spicy Vanilla e Sundaycooks.

 
Página 9 de 187« Primeira...7891011...203040...Última »